O Lado B do Chão de Fábrica: Histórias de um Dekassegui Brasileiro (Portuguese Edition) por Nei Schimada

O Lado B do Chão de Fábrica: Histórias de um Dekassegui Brasileiro (Portuguese Edition) por Nei Schimada

Titulo del libro: O Lado B do Chão de Fábrica: Histórias de um Dekassegui Brasileiro (Portuguese Edition)

Autor: Nei Schimada

Número de páginas: 165 páginas

Fecha de lanzamiento: December 26, 2017

Editor: Arvore Digital

Descargue o lea el libro de O Lado B do Chão de Fábrica: Histórias de um Dekassegui Brasileiro (Portuguese Edition) de Nei Schimada en formato PDF y EPUB. Aquí puedes descargar cualquier libro en formato PDF o Epub gratis. Use el botón disponible en esta página para descargar o leer libros en línea.

Nei Schimada con O Lado B do Chão de Fábrica: Histórias de um Dekassegui Brasileiro (Portuguese Edition)

Se você pensou no Japão como um lugar tão certinho quanto aquele que habita o imaginário coletivo, enganou-se. A fama se justifica, é claro. Mas tudo tem um outro lado. E Nei Schimada aproveita sua experiência pessoal para narrar em suas memórias esse “lado B” do Japão. Logo ao desembarcar, em busca de oportunidades então fora de seu alcance no Brasil, Nei amadureceu à força ao perceber que os intermediários de sua emigração para o país de seus ancestrais lhe impuseram condições de trabalho análogo à escravidão. “Dormi chorando pela primeira vez na vida e sabia que não teria ninguém para me consolar. [...] Eu não tinha saudade apenas das pessoas, da minha mãe ou de um amor. Eu tinha saudade de mim mesmo, da vida que eu tinha deixado para trás e que nunca mais teria de novo. Naquela noite um menino viu um homem melancólico e infeliz nascendo dentro de si.”
Entre viagens lisérgicas e etílicas, a melancolia e a infelicidade são dissolvidas pelo bom humor e pelas boas sacadas de uma narrativa envolvente sobre os encontros, os desencontros e as agruras do cotidiano de Nei no Japão. Algumas passagens são simplesmente hilárias. Outras passam bem longe disso. São tristes. Mas história é o que não falta. O autor passou 22 anos no Japão antes de retornar ao Brasil na esteira dos desdobramentos do terremoto seguido de tsunami ocorrido em março 2011 em Sendai. A catástrofe natural deixou milhares de mortos e provocou o desastre nuclear de Fukushima.